DestaquePolítica

Veja o resumo da sessão ordinária da Câmara de Vereadores do dia 07 de junho

0

Na sessão ordinária realizada no dia 07 de junho de 2021, após uma sabatina com o Major Wesley, foi feita a abertura regimental, pelo primeiro secretário da casa, o vereador Osnério Cabral. Após leitura da ATA da reunião anterior e aprovação por unanimidade da mesma, foi lido então, alguns ofícios enviados para a casa, bem como a pauta da noite, onde constaram três matérias que foram apreciados e aprovados por unanimidade as seguintes indicações e Projeto de Lei: Nº52/2021 que sugere ao Senhor Prefeito Municipal, na forma
regimental, delibere, em reajustar os salários a todos os funcionários público municipal, e retornar com as gratificações que foram retiradas; 53/2021, de autoria do vereador Junior Serapião, que sugere ao Poder Executivo que seja emitido DECRETO que regulariza a situação das funcionárias gestantes do Município, a trabalharem em “HOME OFFICE” independente do regime celetista ou estatutário. Foi aprovado também o Projeto de Lei nº 05, de 15 de Abril de 2021 que Dispõe sobre as Diretrizes para a elaboração da Lei Orçamentária de 2022 e dá outras providências.
Fizeram uso da palavra no grande expediente: Vereador Cristiano Alves, Junior Serapião, Ermisvaldo Rodrigues, Marlene da Saúde e por fim, o vereador Dr. Laurentino Lacerda. Todo o contexto  discutido entre os parlamentares se deu em torno das gratificações que foram por medida cautelar, retiradas dos servidores públicos municipais.O Vereador Junior Serapião que havia tido sua indicação sobre ajuste salarial, aprovada pelos colegas, defendeu as gratificações de forma generalizada, comparando os proventos de funcionários que trabalham para o município de Medeiros Neto, com funcionários de algumas cidades vizinhas. “Essa situação é algo que tem que ser resolvida com urgência porque não há orçamento doméstico que aguente ser cortada uma gratificação, então essa é uma luta que eu acho que tem que ser de todos nós”. Argumentou.O Presidente da casa, Vereador Cristiano Alves, (Pintão) disse concordar que alguns trabalhadores realmente mereçam receber reajustes salariais, enfatizando aqueles que trabalham em situação de periculosidade, insalubridade e adicional noturno, pois são direitos constituídos do servidor, se não estão sendo pagos, a administração pública está ocorrendo em erro e estou aqui para cobrar junto com cada um dos colegas risco e insalubridade. Pintão fez um contraponto sobre a justificativa de Junior Serapião, dizendo  que o município precisava enxugar a máquina, haja vista, que na gestão passada, a ex-prefeita de Medeiros Neto havia colocado gratificações exorbitantes e inexplicáveis para diversos funcionários, muitos destes que se quer por exemplo, compareciam ao trabalho.  Não justifica na fala do Vereador Junior dizer que Medeiros Neto é o município que paga pior o servidor municipal em nossa região, o nosso Plano de Cargos e Salários de educação é um dos melhores do País, nossos servidores da educação tem seu reconhecimento salarial como um dos planos educacionais melhores do país.

Por ASCOM

Veja nos vídeos abaixo os pareceres dos vereadore o tema das gratificações

Liberdade Notícias

Câmara de Medeiros Neto recebe visita do Comandante da 44º CIPM Major Wesley Nogushi

Artigo anterior

Falha em aplicação de verba na gestão anterior dificulta repasse de recursos do PEC em Medeiros Neto

Próximo artigo

Você também pode gostar

More in Destaque