DestaqueSaúde

Vereadores se reúnem com secretária Júnia Garcia para tratar sobre demandas da Saúde

0

Cumprindo agenda que tem sido implantada pela Câmara Municipal de Medeiros Neto, de convidar todos os secretários do governo municipal para prestar informações sobre as ações e planejamentos de cada setor do município, a secretária de Saúde, Júnia Garcia, juntamente com parte de sua equipe, esteve no final da tarde desta segunda-feira, 16 de março, no auditório da Câmara, respondendo  a questionamentos e fazendo suas colocações aos vereadores e público presente. A reunião teve como pauta principal as estratégias de Combate ao COVID19, mas outros temas também foram detalhados.O presidente da Câmara, Pintão, disse que o convite foi para a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e a secretária e tem sido de praxe para que as pastas possam informar as ações e respondam aos questionamentos dos vereadores e dúvidas da população. Falou que Saúde e pandemia são recorrentes na Casa e necessitam de maiores informações para acalentar a população.A secretária de Saúde, Júnia Garcia, disse que é importante o debate e reuniões com a Câmara, porque ajudam nas correções de eventuais falhas e erros que possam acontecer.  Ela sustentou que a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) tem enfrentado alguns desafios que são bem pontuais e que todas as informações referentes ao sistema de saúde municipal serão encaminhadas aos gabinetes dos vereadores.O Vereador Laurentino questionou a secretária sobre como está o andamento das vacinas no município questionou a falta de campanha com  panfletos educativos para combater não só o Covid como também outras doenças que assolam o município como Chikungunya, dengue, entre outros. Ele ainda criticou o fato de que ainda está havendo muitas aglomerações nos distritos e povoados. Segundo o vereador, ele “acha importante entrosar as secretarias de educação com a saúde para conscientizar cada vez mais, pois os brasileiros ainda tem o mal hábito de não se prevenir”. Frisou.Em resposta ao vereador, Júnia Garcia disse que entende que a responsabilidade sanitária da secretaria de saúde é muito grande e ela entende também que “não se pode atribuir apenas ao poder público a responsabilidade do Poder Público a responsabilidade por conter uma doença, porque isso é uma questão de disciplina. Quando eu cuido de mim, estou cuidado do outro. Nós somos espelho. Se por exemplo eu sou uma representante legal do legislativo e passo por uma calçada sem máscara, eu estou dizendo pro munícipe que ele não precisa se preocupar”. FinalizouComplementando, o  vereador Cabral disse que em Nova Lídice o agente de Vigilância Sanitária Lucas, tem feito um trabalho bem plausível. “Hoje mesmo ele esteve em nossa comunidade, coletando amostras de água da EMBASA pra saber como está a qualidade da água. Eu acredito que a vigilância sanitária tem feito seu papel na pessoa do Lucas, nos nossos distritos principalmente”. Destacou.Junior Serapião, elogiou o trabalho da secretária, dizendo que “acha ela bastante técnica e que por isso, alguns cidadãos demoram de se acostumar com este jeito, mas que sabe que ela irá desenvolver um excelente trabalho no município”. Serapião ainda perguntou a Júnia sobre como anda a questão do acesso aos portadores de glaucoma ao colírio, ao passo que obteve a resposta da secretária de que “A última remessa de colírio que foi recebida no município foi em Fevereiro e já foi encaminhada para a CAF que é a assistência farmacêutica, e já estão aguardando outra entrega que será feita pelo núcleo regional de saúde pelos gestores de saúde, pelos gestores de medicamentos do componente especializados”. Acompanhe toda a reunião na integra no vídeo da sessão abaixo

Liberdade Notícias

Oito meses após lei, Sesab não pagou nenhum auxílio por óbito de profissionais de saúde

Artigo anterior

Mesa diretora emite notificações para desocupação de terreno da Câmara de Vereadores

Próximo artigo

Você também pode gostar

More in Destaque